Como é feito o estadiamento do Linfoma de Hodgkin? – Série sobre os tipos de câncer

Como é feito o estadiamento do Linfoma de Hodgkin

COMO É FEITO O ESTADIAMENTO DO LINFOMA DE HODGKIN?

Uma vez que o Linfoma de Hodgkin é diagnosticado, exames serão feitos para determinar a fase (medida de propagação) da doença. O tratamento e prognóstico (perspectiva) para uma pessoa com Linfoma de Hodgkin dependem tanto do tipo, como do estágio da doença. Se você tem dúvidas sobre o estágio do seu linfoma ou sobre como isso afeta o seu tratamento, não esqueça de perguntar ao seu médico.

O Linfoma de Hodgkin geralmente começa nos gânglios linfáticos. Se ele se espalha, isso ocorre geralmente aos nódulos linfáticos próximos. Ele pode invadir (crescer em) os órgãos vizinhos também. Raramente, o Linfoma de Hodgkin começará em um órgão diferente do gânglios linfáticos, tal como um pulmão.

O estadiamento baseia-se em:
– Seu histórico médico (se tiver alguns sintomas)
– O exame físico
– Biópsias
Os exames de imagem, que normalmente incluem uma radiografia de tórax, TC (tomografia computadorizada) varredura do peito / abdómen / pelve, e PETSCAN (tomografia por emissão de pósitrons). -> Os exames de imagem ajudam a encontrar as causas de certos #sintomas, como o crescimento dos #linfonodos no peito. Eles também ajudam no estadiamento do linfoma, a avaliar se o tratamento está funcionando e a encontrar possíveis sinais de recaída do câncer após o tratamento.
– Os exames de sangue -> podem ajudar o médico a ter uma noção do quão avançada a doença pode estar e qual a tolerância do paciente aos diversos tratamentos.
– Aspirado da medula óssea e biópsia (algumas vezes, mas não sempre feito)

Compartilhe no Facebook

Digite seu endereço de e-mail e fique informado gratuitamente e clique em ENVIAR:






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *